Os 16 melhores livros evangélicos de todos os tempos

mãos de uma pessoa segurando livro cristão em um jardim verde
Imagem: Reprodução/internet

Tirar um tempinho para ler algum livro pode ser uma ótima opção para os cristãos que querem crescer espiritualmente em Deus; ou seja, principalmente para aqueles que desejam começar com uma experiência que pode mudar sua vida para sempre.

Lista dos 16 livros que todo cristão deveria ler

Abaixo, selecionamos os melhores livros evangélicos que todo cristão deveria ler e meditar profundamente nos ensinamentos à luz da Bíblia e por em prática os conhecimentos espirituais. Acompanhe e veja os livros mais importantes que falam do grande amor de Deus!

1. O Poder Secreto da Oração e do Jejum – Mahesh Chavda

Imagem: Divulgação

Entre os melhores livros evangélicos mais lidos e mais vendidos, destacamos em primeiro lugar “O Poder Secreto da Oração e do Jejum”. Ou seja, para quem não sabe, este é um poderoso livro que narra a forma como Deus tem de transformar derrotas em vitórias e fortalezas demoníacas em caminhos de amor e poder. Isto é, quando você encarar a derrota, “O poder secreto da oração e do jejum” lhe dará poder para liberar o Espírito Santo em seu interior!

Contudo, seja problema físico, financeiro ou familiar, Mahesh Chavda enfrentou vitoriosamente esses ataques e viu o poder de Deus vencer cada batalha. O estilo de vida de Mahesh Chavda é marcado pelo jejum e pela oração, por isso inspira você a lutar o bom combate, e Deus lhe dará a solução.

2.  Se Você Ama o Senhor – Keith Green

Imagem: divulgação/livro Se Você Ama o Senhor

Por meio de uma série de mensagens transformadas em devocionais diários, você vai embarcar numa viagem que pode mudar sua vida. Depois de sua conversão, Keith Green coloca seu talento musical à disposição do Reino de Deus e realiza vários concertos anunciando o cristianismo sério e engajado por meio de sua mensagem simples, direta e apaixonada pelo Senhor.

Entretanto, seu comprometimento para com a pregação do evangelho sem rodeios e de um discipulado radical nunca estiveram tão atuais. Este livro é um desafio para que cada cristão promova uma revolução interior, colocando o Senhor Jesus onde Ele realmente deve estar: no centro de nossa vida.

3. Uma Vida Com Propósitos – Keith Green

Imagem: divulgação/Uma Vida Com Propósitos

Com certeza você vai gostar deste livro, pois ele vai ajudar o cristão a entender o maravilhoso plano de Deus em sua vida, tanto agora no presente quanto para a eternidade. Contudo, uma vida com propósitos é um manual para viver no século 21 um estilo de vida fundamentado nos propósitos eternos de Deus, e não em valores culturais.

Utilizando mais de 1.200 citações bíblicas, Rick Warren oferece sabedoria inspirada na essência do que realmente significa viver. Apoiado em mais de 1.200 versículos bíblicos, o pastor Rick Warren nos aponta o real sentido da vida.

O líder nos ajuda bastante a sintetizar e memorizar as prioridades da vida, nas quais devemos nos concentrar durante nossa jornada neste mundo, como: adoração, comunhão, discipulado, serviço e missão. Concentre nestes propósitos sua vida, e sua congregação florescerá e frutificará mais e mais.

4. A Recompensa da Honra – John Bevere

Imagem: divulgação/A Recompensa da Honra

Você precisa ler este livro, ele mostra o poder e a verdade de um princípio geralmente negligenciado a lei espiritual da honra. Se compreender o papel vital desta virtude, você vai atrair bênçãos sobre sua vida agora e também para a eternidade.

John demonstra como a cultura popular luta contra a prática de honrar pais, líderes e filhos, e também como a sociedade resiste à autoridade, revelando as consequências dessa desobediência. Este livro impressionante revela o segredo de recebermos mais das bênçãos de Deus por meio da honra e ao fazê-lo, ele revoluciona a sua fé.

5. O Discípulo Radical – John Stott

Imagem: divulgação/O Discípulo Radical

Este também é um dos melhores livros evangélicos que você precisa ler. Entretanto, para muitos cristãos, será uma grande surpresa descobrir que os seguidores de Jesus Cristo são chamados de cristãos apenas três vezes na Bíblia.

Então, sabemos que tanto as palavras cristão como discípulo implicam relacionamento com Jesus. Mas, por que discípulo radical? Evitamos o discipulado radical sendo seletivos: escolhemos as áreas nas quais o compromisso nos convém e ficamos distantes daquelas nas quais nosso envolvimento nos custará muito. No entanto, como discípulos não temos esse direito.

6. O Verdadeiro Evangelho – Paul Washer

Imagem: Divulgação/O Verdadeiro Evangelho

Certamente, este grande livro tem dado a Paul Washer uma mensagem oportuna e profética para a igreja dos nossos tempos. Ao analisar esta geração, ele conta que o problema principal não é a dureza do evangelho, mas sim, a ignorância de seu conteúdo.

Entretanto, como resposta a isso, Washer tem pregado em várias ocasiões, as verdades fundamentais do evangelho (o pecado do homem, a justiça de Deus, o sacrifício, a ressurreição de Cristo, etc). Baseado em diversas exposições de Romanos 3, o Verdadeiro Evangelho busca apresentar aquilo que Deus fez em Cristo, a fim de ele mesmo ser justo e o justificador daquele que tem fé em Jesus (Rm 3:26).

7. Paixão Pelas Almas – Oswald Smith

Imagem: Divulgação/Paixão Pelas Almas

Você sabia? Este livro é o apelo mais poderoso em prol do reavivamento espiritual que muitos já tiveram oportunidades de ler. Nele, o Espírito de Deus guiou Oswald Smith na redação de tão bem elaborada e fácil de entender. “Parece que, apenas uma vez em cada geração, Deus ergue um homem com tantos dons e talentos. Nenhum outro homem de sua geração estaria mais qualificado para escrever acerca da paixão pelas almas que Oswald Smith (Billy Graham).

8. A Vida Crucificada – A W Tozer

Imagem: Divulgação/A Vida Crucificada

Neste livro, o cristão vai aprender muita coisa com o renomado professor A. W. Tozer que foi convidado com frequência para falar em seminários, igrejas e conferências bíblicas a respeito da cruz e seu significado na vida cristã. No entanto, o apóstolo Paulo declarou em sua carta aos gálatas que havia sido crucificado com Cristo.

Mas, o que significa isso? É algo que todo cristão pode e deve afirmar? A vida crucificada é um exame abrangente dessas questões, respondidas com o profundo pensamento bíblico pelo qual Tozer costuma ser reverenciado. Agora, nesta compilação inédita de seu melhor ensino sobre o assunto, o cristão vai conseguir um entendimento renovado da centralidade da cruz no seu caminhar de fé em Cristo.

9. O Sermão do Monte – John Wesley

Imagem: Divulgação/O Sermão do Monte

Este vem da emocionante experiência na rua Aldersgate, em Londres, onde John Wesley sente o coração estranhamente aquecido. Ele se encantou com a pregação e o ensino de Jesus no Sermão do Monte. Considerou esse Sermão com muita seriedade e dedicou a vida para seguir seus preceitos, como enfatiza com muita clareza esta obra clássica. 30% dos sermões doutrinários de Wesley, 13 dos 44, tratam do Sermão do Monte.

Wesley começou a atuar em seus sermões-comentários sobre o Sermão do Monte em 1735. Estes 13 discursos, cuja verdade e eficiência foram atestadas pelos resultados do ministério de Wesley, estão agora à sua disposição extraídos dos Standard Sermons de Wesley e editados em linguagem acessível ao leitor moderno.

10. Louco Amor – Francis Chan

Imagem: Divulgação/Louco Amor

Para quem não sabe, este livro mostra a experiência que podemos ter em um relacionamento honesto com Deus e espantar a mornidão de nossa vida espiritual. Faz parte de qualquer relacionamento. A intensidade e a vibração dos primeiros momentos aos poucos são tomadas pela rotina e o que antes era uma feliz dependência que se torna um fardo, quando não, a cínica indiferença para com o outro.

Infelizmente, o mesmo acontece em nosso relacionamento com Deus. Acabamos nos acostumando a viver longe dele… só demoramos a nos dar conta disso. Nossa suposta auto-suficiência torna complicado encaixar Deus num mundo cujas principais respostas já foram dadas. Se essa é a conclusão a que chegamos, vale a pena ler e ouvir alguém que não se conforma com desculpas fatalistas.

11. O Peregrino – John Bunyan

Imagem: divulgação/O Peregrino

Esta história descrita no livro é uma narrativa cheia de emoção e suspense. Nele, Bunyan relata a viagem de Cristão, um peregrino espiritualmente abatido que viaja rumo à Cidade Celestial. No decorrer da aventura, ele se encontra com personagens de carne e osso, mas que possuem nomes alegóricos, tais como Evangelista, Adulação, Malícia, Apoliom e Vigilância.

Ele então começar a andar por lugares sombrios e medonhos, como o Desfiladeiro do Desespero, o Pântano da Desconfiança, a Feira das Vaidades e o Rio da Morte. Surge em cada encruzilhada um novo desafio que ameaça sua chegada ao destino final.

12. Princípios da Oração – Charles Finney

Imagem: Divulgação/Princípios da Oração

Um dos livros cristãos mais ricos em conhecimentos espirituais, é o “Princípios da Oração”. Ou seja, estamos falando de um dos melhores livros evangélicos que vai lhe ensinar a orar com poder.

É isso mesmo, este livro mostra um estudo de 40 dias para aqueles que querem orar com poder e testemunhar os resultados. Cada lição que abrange meditação, aplicação e oração o ajudará a desenvolver a maturidade cristã.

O ministério de Charles Finney se levantou como uma onda de choque espiritual no cenário norte-americano do século XIX. Finney atribuía sua eficácia em grande parte à oração. Agora suas magníficas ideias estão condensadas e reunidas neste pequeno livro.

13. Quando o Céu Invade a Terra – Bill Johnson

Imagem: Divulgação/Quando o Céu Invade a Terra

Este livro desafia todo cristão a caminhar em sinais e maravilhas sobrenaturais como parte natural da vida cotidiana. É verdadeiramente possível para os seres humanos caminhar no sobrenatural, e Cristo veio para nos mostrar o caminho.

É por intermédio da redescoberta de nossa verdadeira identidade nele que podemos começar a mover-nos nas promessas do Senhor quando o assunto é milagres. Bill Johnson pastoreia uma igreja na qual os encontros sobrenaturais com Deus são realizados, os milagres são comuns e a igreja tem uma paixão contagiante pelo crescimento espiritual.

14. O Homem do Céu – Irmão Yun

Imagem: Divulgação/O Homem do Céu

Este livro ensina que não são os maiores homens que transformam o mundo, mas sim, os fracos, nas mãos de um grande Deus. O Homem do Céu é a história real do Irmão Yun. Esse homem simples, que nasceu em uma vila rural da China, teve um encontro com Jesus após seu pai ser curado milagrosamente de um câncer.

Contudo, Yun entregou sua vida ao Senhor e se dedicou a servi-lo com todas as suas forças, vindo a se tornar anos mais tarde, um dos líderes da igreja doméstica da China. Ler este livro é como ler uma versão atual de Atos dos Apóstolos. O testemunho do Irmão Yun nos emociona e nos deixa maravilhados diante do poder extraordinário de Deus.

15. Por Que Tarda o Pleno Avivamento? – Leonard Ravenhill

Imagem: Divulgação/Por Que Tarda o Pleno Avivamento

Quando se trata de Leonard Ravenhill, é impossível ter uma posição indiferente. Seus conhecidos podem ser divididos em dois grupos: aqueles que o amam e admiram profundamente, e aqueles que o detestam. E o que se diz dele se pode dizer também de seus livros, e deste livro.

Então, ao terminar a leitura, o leitor procura logo um lugar silencioso para orar, ou o atira longe, irritado, fechando o coração às suas exortações e apelos. A.W Tozer. Ele nos chama a levantar um clamor a Deus para que ele fenda os céus e desça com poder e autoridade a fim de tornar o seu nome notório na presença de seus adversários, fazendo as nações tremer diante dele.

16. O Evangelho Maltrapilho – Brennan Manning

Imagem: Divulgação/O Evangelho Maltrapilho

O Evangelho Maltrapilho, é um grande livro que foi escrito para pessoas aniquiladas, derrotadas e exauridas. Pessoas que se acham indignas de receber o amor de Deus. Quem sabe, ignoradas pela comunidade de cristãos por não se encaixarem no perfil de super-homem ou de supermulher que lhes é constantemente exigido.

Pessoas cansadas da espiritualidade superficial e consumista. Pessoas que travam inúmeras batalhas interiores por não se acharem parte de uma comunidade afetiva e acolhedora.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *