Profecia responde perguntas sobre o arrebatamento: ‘Por que o Senhor ainda não veio?’

Imagem ilustrada

Muitas são as dúvidas das pessoas em relação à vida do Senhor aqui na terra. Para explicar um pouco sobre esse mistério, vários profissionais da Profecia responderam perguntas sobre o arrebatamento e como será a vida daqui pra frente.

Uma das principais questões é sobre o ‘Por que o Senhor ainda não veio’, pergunta que chegou até eles. Para responder claramente, os profissionais da profecia, Kinley e Hampson, revelaram que Jesus ainda não voltou porque o Senhor está dando “à humanidade uma chance de se arrepender antes que Ele volte”.

A paciência de Deus é muito mais vasta e imensa do que a minha, porque eu seria muito precioso na maneira como distribuo minha paciência e minha justiça se eu estivesse no comando. É uma coisa boa que eu não estou no comando“, disse Kinley.

Ele também acrescentou: “E eu sei que muitos crentes estão pensando: ‘Deus venha. Faça isso direito. ‘ Mas ao pensar nisso, penso no coração de Deus. Quero dizer, você não está feliz que Deus esperou por você, por mim, antes de decidir descer de volta? Ele esperou que nos arrependêssemos. … E, claro, Ele também estava envolvido nesse processo”.

Já Hampson fez uma análise que tanto ele quanto outros cristãos podem inferir que Deus fixou os dias em que o arrebatamento acontecerá porque “Ele é soberano” e por causa da Escritura Mateus 24:36 , que ele resumiu dizendo: “Não é para você a prever os tempos ou as datas que o Pai estabeleceu por Sua própria autoridade”.

Não é como se Deus ficasse chutando a lata pela estrada e não tivesse certeza de quando isso iria acontecer. Ele sabe quando isso vai acontecer. Mas, de nossa perspectiva, parece que Deus está atrasando ”, disse Hampson. “E aprendemos com esta passagem aqui em 2 Pedro 3: 9, que [a espera pelo arrebatamento] é por causa da misericórdia, graça, perdão de Deus e Sua incrível paciência”, esclarece.

Kinley afirma que às vezes pode ser difícil esperar por qualquer coisa: “De repente, eles se aproximaram do alto-falante e disseram: ‘Vamos ter que voltar ao portão devido a um problema mecânico.’ Há aquela sensação de ‘ugh’, aquela decepção, e você está dizendo: ‘Eu estava pronto para ir, e de repente você está me dizendo que eu tenho que esperar um pouco mais’ ”, lembrou ele. . “Acho que estamos sentindo isso agora, em relação ao arrebatamento. Muitos cristãos estão dizendo: ‘Ei, estou pronto … minhas malas estão prontas. Estou pronto para sair daqui. Mas, por alguma razão, Deus está adiando a data de chegada do nosso noivo para a data do nosso casamento”, revela.

Hampson esclarece que está feliz que o arrebatamento não tenha ocorrido quando ele tinha 13 anos ou menos, porque naquela época ele não sabia sobre a parte da teologia relativa à morte, o julgamento e o destino final da alma e da humanidade – a escatologia. “Nasci nos anos 70, mas era apenas uma criança”, lembra Hampson. “Eu acredito que Deus está esperando. Ele quer obter o máximo de [número] de pessoas. E, claro, não podemos nem tentar descobrir esse [número]. Ele é soberano. Só ele sabe. Mas eu acredito que quando o arrebatamento acontecer, todos os que aceitariam o Senhor antes do arrebatamento inegável o terão feito”.

Segundo Hampson, várias pessoas estão sentindo tensão enquanto esperam a volta de Jesus porque estão testemunhando um crescimento do mal no mundo. E todas as discussões sobre a segunda vinda de Jesus levaram Hampson a pensar sobre a história de Noé na Bíblia.

A violência na Terra durante o tempo de Noé levou Jesus a enviar um dilúvio, destruindo toda a humanidade, o que Hampson disse que o levou a pensar sobre “quanta corrupção existe nos dias de hoje.”

Eu olho para trás, nos dias de Noé, e como isso teve que ser ruim para que Deus simplesmente dissesse: ‘Sabe, é isso, lamento ter feito a humanidade. Eu vou obliterar a raça humana do planeta. … E salvar oito pessoas. ‘”

E tivemos o dilúvio“, disse Hampson. “Todas essas coisas que estavam acontecendo nos dias de Noé, estamos experimentando agora. Mas é por isso que nós, crentes, estamos fazendo a pergunta: ‘Deus, você fez isso naquela época, por que você está esperando agora?, finalizou ele em depoimento“.

Em (2 Pedro 3: 9), a Bíblia explica que “O Senhor não tardou em cumprir a sua promessa, como alguns entendem a lentidão. Pelo contrário, ele é paciente com vocês, não querendo que ninguém pereça, mas que todos cheguem ao arrependimento”.

Do Diário Gospel com informações do The Christian Post

Por José Souza

Baiano, José Souza é um Jornalista. Atuou como freelancer para diversos sites conhecidos. Hoje, é colaborador do Diário Gospel. (Registro Profissional-5171/BA). E-mail: jjsouza_19@hotmail.com

Confira também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Todos os Direitos Reservados ©2022 Diário Gospel