André Mendonça sobre atuação no STF: “Vou ter que prestar contas a Deus”

Reprodução

O Pastor e novo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), André Mendonça, revelou durante uma entrevista à TV Boas Novas que “na vida é a Bíblia e no Supremo é a Constituição”.

Na conversa com o pastor Samuel Câmara, ele afirmou que vai prestar contas a Deus por suas decisões na Corte constitucional e que, sabendo disso, atuará com temor.

A quem é muito dado, muito será cobrado e é com temor e tremor que nós nos colocamos com o poder de decidir uma causa no âmbito do Supremo Tribunal Federal, com impacto nacional, sabendo que vou ter que prestar contas a Deus”, disse.

Em outra parte da conversa, André Mendonça reafirma seu compromisso com a verdade e com a Justiça. “Vou ter compromisso com a verdade, com a justiça. Evitar a injustiça, não ter dois pesos, duas medidas. Porque essa influência de valores morais está presente na nossa formação. Nesse sentido, nossa responsabilidade é maior ainda, porque transcende aquilo que simplesmente vemos”, expressou.

Além disso, ele não deixou de citar que foi a vontade de Deus que se cumpriu graças à oração e apoio das igrejas. “É a vitória do povo de Deus, no sentido que a ação da igreja, as orações, a intercessão, a comunhão, foram determinantes para o resultado final. Essa vitória marca uma comemoração e mostra que Deus opera na vida dos seus filhos”, esclarece.

Por José Souza

Baiano, José Souza é um Jornalista. Atuou como freelancer para diversos sites conhecidos. Hoje, é colaborador do Diário Gospel. (Registro Profissional-5171/BA). E-mail: jjsouza_19@hotmail.com

Confira também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Todos os Direitos Reservados ©2022 Diário Gospel